A verdadeira PERFEIÇÃO está destinada a IMPERFEIÇÃO.

Há quem garanta, aposte ou até mesmo teime que tudo está a apenas um passo de se tornar IMPERFEITO. Eu discordo, mesmo que o título dessa história aparente concordar.

A imperfeição é o novo perfeito, o estado novo de espírito ao qual todos devíamos nos entregar. Isso, entrar de cabeça nesses MODELOS PERFEITINHOS de pura IMPERFEIÇÃO.

– E como eu faço isso “Senhor Bottini”?
– Just Be Yourself!

Não existe receita de bolo pra isso, se deve mesmo é perder a mão, passar do ponto. Não subestime o sabor de um belo bolo solado e queimado nas bordas de uma noite não planejada que acaba às 07 da manhã do dia seguinte. Pelo contrário, experimente. A vida caminha de mãos dadas com o fazer errado. Veja os exemplos do dia-a-dia, há muito o que observar.

Comece encarando o sujeito do espelho de manhã que insiste em executar as 51 escovas meticulosas nos dentes, esqueça os molares, esqueça a gravata e o laço impecável, hoje é dia de all star surrado e bermuda cargo. Em seguida, se atrase, não chegue no prazo, seja teaser, coming soon. Depois é só pré-estreia, lançamento de campanha publicitária e seus coquitéis forçados. É a hora da risada, do ridículo…

– Mas espera aí! Isso tudo vai é me rotular como um insensato, imprudente… Onde anda a perfeição disso?

Ok… Talvez eu tenha exagerado, mas o que eu quero realmente dizer é que o que temos de fazer é agir com honestidade e não com necessidade. Edward Norton, em clube da luta, era imperfeito dentro de sua valiosa perfeição. E todo mundo tem um “tiquinho” de Brad Pitt no fundo.

No trabalho, as pessoas cobram que você seja pró-ativo.
Em casa, tua família espera que você se supere a cada dia.
Nos romances, as mulheres dispensam o marasmo e se entregam a imprevisibilidade de um canalha.
Seu filho vai acabar te achando careta e ser amigo do pai do melhor amigo dele.

Temos que mostrar que somos passíveis de falha, que sabemos arriscar, que somos sérios, mas nunca certinhos o suficiente para tornar a nossa vida, e a vida de quem está perto, um CD de Madeleine Peyroux.

A verdadeira PERFEIÇÃO está destinada A IMPERFEIÇÃO.

Ao som de Little By Little (Oasis).

Geraldo DeLima

  1. No meu fundo não tem tiquinho de Brad Pitt nenhum… KKKKKKKK

    Onda, Gera.

    Belo Texto.

    Iuri Barbalho

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: